SERIAS VOCÊ

“Serias você
A razão de uma paixão
Que segue crescendo
A cada dia, no coração?
Atiro ao vento,
Poemas que invento.
Querer sem tradução.

Serias você
A musa que se esconde
Atrás de um motivo
Sem “porquê” nem “onde”?
Planto imensidões;
Colho ilusões.
Você não me responde.

Serias você
A dona do meu verso
Que de tanto encanto
Em ti, estou imerso?
Sublime, o viver.
Intenso, o querer.
Mais que perfeito, o universo.”

(Mael Júlia)

Imagem: noblogdaana.com

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s